Evitar problemas nas entregas para e-commerces

evitar problemas nas entregas para e-commerces

Todas as transportadoras procuram evitar problemas nas entregas para e-commerces, embora já existam algumas regras, leis e procedimentos, em alguns casos ainda acontecem adversidades.

No entanto ninguém fica de fora dessa, seja transporte próprio ou parcerias, se os proprietários ou lojistas que gerenciam as entregas não tomarem todos os devidos cuidados, podem ter prejuízos.

E os prejuízos nem sempre são pequenos, por isso, avalie bem o produto que está vendendo e suas regras de negócio.

Atenção com os produtos e procedimentos

Existem diversos tipos de produtos para entrega e todos devem receber a devida atenção, porém alguns procedimentos com produtos maiores precisam ser um pouco mais estudados, tanto para a proteção da empresa, quanto para a do cliente.

Vamos citar alguns dos principais tópicos para evitar problemas nas entregas para e-commerces:

  • Nota fiscal com dados corretos da entrega
  • Dados completos do produto
  • Especificações técnicas de acordo
  • Confirmar o endereço de entrega
  • Se o produto for de médio/grande porte, sugerir a verificação das dimensões se podem ser entregues no local
  • Dependendo do endereço de entrega, se for prédio/condomínio verificar os acessos e se podem ser entregues da maneira correta.

Esses são os fatores mais comuns que causam problemas dependendo do produto e situação, portanto, certifique-se que os setores responsáveis da empresa confirmem algumas informações para evitar problemas.

Essas informações devem ser registradas via e-mail ou sistema, tanto da parte da empresa quanto do cliente, para que fique bem documentado.

Por que devo me atentar tanto com certos procedimentos?

Grande parte dos lojistas procuram a melhor forma de atender os clientes e evitar problemas nas entregas para e-commerces.

Porém, as leis são muito favoráveis ao consumidor e, por este motivo, determinados produtos devem ser anunciados com cautela.

Imagine que produtos maiores como refrigeradores, colchões, sofás e similares não passem pela porta de um apartamento ou não caibam num elevador. Se ambas as partes não forem bem instruídas, as coisas podem ficar bem complicadas.

Não é incomum que as transportadoras não realizem entregas no apartamento, já que normalmente para reduzir custo de transporte, as entregas ocorram apenas na presença do motorista e um ajudante. Se o local não possui estacionamento apropriado para o veículo e gente de apoio no local, a contrapartida é efetuar a entrega na portaria.

Nos casos em que há recusa ou uso da lei do arrependimento por parte do consumidor, se os responsáveis pela retirada do produto não agirem em tempo hábil e alinhar com o cliente um prazo para o recolhimento, pode acontecer dele se desfazer da mercadoria alegando não ter onde guardar e aí, a grosso modo, vai “ficar por isso mesmo”. Principalmente em vendas feitas através de marketplaces.

Por esses e outros motivos, sempre é bom avaliar as situações a fim de evitar problemas nas entregas para e-commerces.

Caso queira saber mais sobre embalagens de produtos, clique aqui.

Para saber a respeito de segurança de loja virtual, clique aqui.

No entanto, se tem interesse em informações de marketing digital, clique aqui.

Falar com consultor
Olá, como podemos ajudar?

Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite