Qual a diferença entre carga perigosa e transporte perigoso de carga?

Aparentemente estamos falando da mesma coisa, porém ao observar com mais atenção, podemos perceber que, refere-se ao produto transportado; enquanto o perigoso, está relacionado ao acondicionamento dos volumes em trânsito.

Para facilitar a compreensão, vamos lembrar dos veículos que circulam com placas de sinalizações visíveis (ONU). Tais placas informam o tipo do produto e a classificação, conhecida universalmente, também seguem decretos e leis federais, além de resoluções da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). Tudo isso forma um conjunto de obrigações e regras para que seja realizado o Transporte de Carga Perigosa.

Para o transporte de qualquer produto classificado como químico, inflamável, corrosivo, infectante, gás venenoso entre outros com características de riscos, é necessário que o condutor tenha treinamento especializado.

No caso do , é comum, para quem circula nas ruas e estradas do país, ver veículos com suas caindo pelo caminho, seja em um caminhão com carga lotação ou fracionada. Isto acontece devido a falta de conhecimento sobre o carregamento e transporte ou por “economia” de material adequado.

As responsabilidades sobre o acondicionamento das cargas, vão desde o embarcador/remetente, conferente/arrumador, até o condutor do veículo, sendo o último quem valida todo o processo para dar início a viagem.

Quais os cuidados para evitar o transporte perigoso de carga?

O é apenas uma etapa de toda a cadeia , então, para responder a esta pergunta vamos precisar entrar em outro conceito técnico, a embalagem.

Para que um determinado produto seja comercializado e transportado de maneira segura, é preciso identificar qual a melhor embalagem. Isto não significa a mais sofisticada e sim sobre sua capacidade de peso, empilhamento, proteção, resistência e facilidade de manuseio.

Mas nada disso terá efeito positivo no transporte se a ficha técnica da embalagem for ignorada e se os profissionais que preparam as cargas nos veículos não tiverem treinamento constante.

Outro fator, não menos importante, é o tipo do veículo a ser utilizado no transporte. Erros comuns são os carregamentos de produtos em veículos com capacidade de peso ou tamanho menor do que o exigido, causando tombamentos e colisões nas estradas.

Então, podemos concluir que, uma embalagem adequada, manuseada por pessoas devidamente treinadas é o segredo para que o transporte não se torne perigoso, tanto para quem transporta como para outras pessoas.

Se você precisa de serviços de transportes, seja para cargas especiais ou para pequenas , fale com a ®. Aqui você encontrará apenas empresas de transporte qualificadas e especializadas naquilo que fazem. Faça suas cotações de forma simples e já contrate a de sua preferência diretamente na plataforma. E caso precise de uma ajuda profissional para otimizar suas operações, nossa equipe estará pronta para lhe atender.

Precisando saber mais sobre EMBALAGENS, clique aqui.

Mas, se você ainda tem dúvidas sobre , saiba mais clicando aqui.

A  FRETE CLICK® tem uma equipe prontinha pra fazer a gestão da sua logística. Contrate e confira!

Falar com consultor
Olá, como podemos ajudar?